Sugestão - Reunião presencial ser no MAC

Pontos: 0

Pessoal, eu estava pensando se num rolaria da gente utilizar o MAC para trabalhar nos sábados (q não tiver cineclube naturalmente). Tipo, a Concha temos nosso espaço e devemos ocupá-lo, sem dúvidas. Essa semana tá ruim pra eu ir na federal, mas provavelmente irei e checarei o espaço pra gente ocupar. Mas tipo, queira ou não é super longe e incoveniente pra todos nós. Na casa de Isaac ou Vinicius em campão é agradável e tals, mas altera a rotina da casa e queira ou não a rotina da casa tb influencia um pouco no nosso trampo. Daí pensei no MAC q fica mais ou menos perto pra todos e é um espaço em q temos silencio, projetos disponível e tals.

Deixando claro que não estou descartando os outros locais, mas tô colocando como uma sugestão mesmo. O que vcs acham?

Comentários

#1

A ideia não é má, mas precisamos de:

  1. Internet;
  2. Algum conforto(água, local para sentar, mesa);
  3. Um espaço onde não dependemos de terceiros.

#2

a ideia é boa, eu pensei em algo parecido no dia do cineclube, em usarmos a internet de lá

pra fazermos isso, acho q bastaria irmos um dia de semana lá e combinar com célia, daí levaríamos essas pautas de isaac

amanhã vocês podem vir aqui em casa olhar os vídeos do mst, pedi ao meu irmão pra ele liberar o quarto e ele irá pra artur lundgreen, no quarto podemos ligar uns 3 notebooks se for necessário, só não rola tv

depois do almoço é uma boa, cadoca, isaac e heitor

abraços

#3

Rapazes, infelizmente não poderei nesse sábado. Esta semana o escritório q trabalho mudou de endereço, e a internet banda larga ainda não foi transferida. Estamos operando com 3G e isso atrasou os trabalhos de fim de mês, q na contabilidade é sempre puxado.

Mas se vcs puderem ir, vcs fiquem à vontade pra dar uma geral no material do MST e eu vou acompanhando na medida do possível.

#4

Esqueci de dizer, com esse atraso, precisarei ir pro escritório no sábado.

#5

Acho que a presença de Carlos será fundamental nesta etapa. Tanto pelo seu olhar ao tema, quanto pela construção da dinâmica do trabalho coletivo. Coisa que pecamos um pouco na semana passada.

Minha sugestão é tentarmos ver um dia a noite. Direto, sem atrasos.

Fica a sugestão.

#6

bom, heitor apareceu e olhamos com calma os vídeos das 5 visitas que fiz, incluindo 1 dia que isaac foi comigo

ele analisou o q podia ser feito com o áudio e pode falar melhor do q eu aqui

mas nao decidimos nada o q fazer com esse material já q isso é algo a ser feito em coletivo

mas se mostrou disposto a voltar lá comigo em algum fds

#7

Sugiro alinharmos um roteiro e inserção antes de ir filmando por lá.

Acho que esse doc merece uma atenção devida.

#8

Exato, é interessante roteirizarmos o que será captado novamente e o que será (ou tentará ser) recaptado. Precisamos definir qual será a ideia central do doc.

Eu sugiro fazer algo com relação ao assentamento. Menos MST e mais Chico Mendes, mais as pessoas. Colocar o que as pessoas gostariam de falar, dar visibilidade a elas. E, no meio disso, as técnicas utilizadas na agricultura orgânica.

Quer começar um pré-roteiro em um texto colaborativo pra a gente começar a editá-lo, Meire?

Abraços!

#9

Heitor, você está se preciptando um pouco quando fala:

Eu sugiro fazer algo com relação ao assentamento. Menos MST e mais Chico Mendes, mais as pessoas

Isso implica muitas coisas, pois o Chico Mendes é um assentamento do MST. Isso cabe várias perguntas:

até que ponto há dissociação do Chico Mendes com o MST? Será possível fazer um recorte bem definido e retirar a dimensão política-ideológica?

Esses são pontos que precisamos discutir. É por isso que falo de uma atenção especial. Documentário, pelo menos para mim, envolve estudo e pesquisa.