Pular navegação

Proposta para marca e identidade da plataforma Corais

Proposta para marca e identidade da plataforma Corais

Que tal já começarmos a pensar em uma identidade para nossa plataforma? Temos como norte o conceito inicial, dos próprios Corais. Tanto o coral animal quanto o coral de vozes são referências muito ricas: o coral represente vida e diversidade no oceano e o coral de canto é a união de vozes para criar um único som.

E aí? Que ideias temos? Propostas?

Comentários

#1

Sim coloquei algumas ideias rabiscadas e dei origem a uma logo que acho interessante.

Mas podemos vir a melhorar o conceito.

  • foto-0048_-_copia.jpg
  • foto-0050_-_copia.jpg
  • logo_2_corais_-_copia.jpg
  • logo_corais_-_copia.jpg

#2

Comentei sobre as propostas de logo no post Criação de um logo temporário para o Corais.org!.

Pensei aqui neste post sobre a identidade do Corais, em trabalhar inicialmente conceitos da identidade que podem ser expressos na interface do sistema, na logo, na linguagem do site e em outros materiais. Seria como encontrar o "espírito" do Corais.org junto com o Design Livre! Um norte para futuros desenvolvimentos gráficos e interativos :)

#3

Para aproximar alguns conceitos, anexei duas imagens que tirei desta palestra sobre o Design Livre. Vou transcrever aqui:

Autores que inspiram o Design Livre:

Movimentos com os quais o Design Livre se identifica:

  • Hackerismo / Gambiologia
  • DIY (Faça-Você-Mesmo)
  • Design Participativo
  • Software Livre
  • Design Thinking
  • Open Hardware
  • Design Crítico
  • Pesquisa-Ação
  • Design Social
  • referencias-autores-designlivre.png
  • referencias-movimentos-designlivre.png

#4

Cara, o que eu penso para o corais é isso:

Um exemplo de layout para a página principal...

  • imagem1.png

#5

Uau! Muito bacana :D

Só acho que o menu merece uma reconsideração. Como ficou, está mais escondido do que está hoje.

#6

Eita, não entendi... o menu está escondido hoje?

Na verdade eu pensei em fazer ele assim na lateral como se fosse um controle saca? Nem acho que ele tem q ter muito destaque... Na verdade exige um pouco da pessoa que vai usar nas primeiras vezes, mas depois que vc se acostuma com os ícones fica fácil... 

Daí, também pensei que a logo diminui quando sai da Home... e que cada ícone gera uma aba de uma cor... daí isso ajuda a pessoa a saber onde ela está... 

Tem todas aquelas questões de será que essas cores são as melhores para os olhos do usuário, será que isso ou aquilo facilita... na verdade eu acho isso tudo meio balela, eu pensei mesmo na sensação que eu tenho quando penso nos corais...

Qual a sensação que te passa quando você olha para esse layout que eu fiz?

#9

Creio que pra página inicial a sensação é bem interessante. Causa impacto, mostra vida, é estimulante. Só acho que o preto de fundo quebra isso um pouco, deixa meio dark e pesado o astral. Me lembrou bastante o que os usuários hardcores fazem com o www.fotolog.net e o www.flogao.com.br

Porém, temos que pensar num layout que seja customizável para cada projeto. Lembrar que cada projeto pode mudar a cor base do seu layout bem como anexar a imagem da logo, ou seja, o layout base tem que ser relativamente neutro. 

Gabi, você pode fazer mais uns modelos demonstrando como a escolha de apenas uma cor consegue refletir uma personalização do projeto?

Consegue anexar essa nova logo isolada e maior? Parece interessante também.

#13

então, o fundo nem é preto... é azul marinho

eu fiz um lance de usar aquele efeito difference tanto na logo, quanto nas cores das 'janelas'... eu não sei como isso entra na programação, mas ia ser massa, pq o cara pode escolher as cores de fundo e tal, e o site ajusta o resto...

Posso!

#7

Gostei muito dos menus abertos (exemplo: meus projetos) estarem "linkados" ali do lado com as funções do menu :) a sensação é de algo vivo, alegre, além da diversidade de coisas, numa metáfora mais próxima dos corais mesmo.

O que digo de escondido é que, para ter uma percepção total do que tem no menu, hoje, é necessário passar o mouse em todas as opções.

#8

Ah.. saquei... então... acho que se desse para alguém fazer um mapa, ou uma lista com as páginas e os menus, ou até eu mesmo... a gnt pode pensar em uma nova dinamica de uso, essa plataforma permite essas mudanças?...

#10

Cuidar com a legibilidade , texto branco sobre amarelo fica difícil.

#11

Interessante é tentar detectar quantos minutos o usuário aguentará ficar navegando numa interface tão impactante... achei muito interessante a proposta mas não tenho tanta certeza quanto a fadiga visual que ela causa, se eu tiver que ler um texto neste layout por exemplo.

abraço.

#12

Massante pra mim é o site atual... também acho isso curioso... Além disso... 'hello hipermidias'... esquece as páginas com longos textos, deixa isso para o pdf!

#15

Daqui pra cima? não entendi o que quis dizer com o link, é um site temático, muito específico, não uma base de dados de conhecimento colaborativo como o corais, as pessoas vão ler sim no corais, sobre os cards por exemplo.

Não falei massante, pelo contrário disse impactante, cores muito fortes, fontes muito diferentes, diagramação muito fora do comum, a cada página uma surpresa. Talvez o usuário goste da experiencia na primeira vez, mas será que usará com conforto visual por uns 20 minutos para ler um conteúdo realmente?

abraço.

#16

 Cara, eu só tô dando a minha opinião. O que eu penso para o corais vai muito mais no sentido de Inovação, do que desempenho. 

...(Gambiarra) Vamos usar um tubo de pringles para substituir o escapamento furado do carro!? Funcionou? Darã... voilá!...

Eu fiz esse layout para chocar... pq o corpo humano vivo tem que se reorganizar o tempo todo...

Agora, se você tá se firmando em 'base de dados' e bla bla bla... Pra mim isso é coreografia marcada... é melhor mudar as referências e o foco para desempenho e expectativas previamente definidas, e partir daí para buscar a perfeição! Bem cartesiano!

Então, eu coloquei aquele site... primeiro, pq ele explora um pouco do lance que falei de hipermídia... Segundo pela sensação de profundidade e expansão... Será que eu sou a única que ouve os sites gritarem que querem sair da tela!?

Juro, quem ainda tá pensando em texto corrido e pensamento linear, eu deixo meu 'beijo tchau'...

E se a gente mudar a forma de pensar e comunicar... inclusive projetos (design)?

Canse os olhos de alguém e sussurre algo em seu ouvido enquanto eles descansam, depois me fale denovo sobre o conforto! =)

Abraço!

#17

Cara,

mesmo os sites mais inovadores devem manter a legibilidade, só estou te falando para não esquecer o usuário e o uso cotidiano da coisa!

O corais não é um hotsite promocional que o usuário entrará uma vez e nunca mais... é um site de uso quase diário. 

Nada impede o uso do layout que vc mandou, não se apegue a sua autoria.

Basta fazer alguns ajustes pra melhorar. Muitas outras propostas surgirão, cabe a nós avaliar e aprimorar.

abraço.. boa sorte na criação aí.

#18

Anderson, eu não estou falando de layout... Eu estou falando sobre o corais em si...

O layout foi só a forma que eu encontrei para mostrar a minha opinião...

O corais é um site de uso diário ou um serviço através de um site?

#20

Excelente observação visual, Gabi! Também tava pensando nisso. Precisamos colocar as idéias na roda e trabalhar em cima, acrescentando, evitando críticas que emperrem o processo, pelo menos agora no início.

#21

Eu sugiro testar o quanto antes...

#22

Vou usar uma analogia (de uma pintura) para fazer uma consideração: gostei muito do ponto da Gabi, mas veja: será que todo esse potencial hipermídiatico deve estar na moldura (corais.org) ou no quadro (o trabalho, informações e participação das pessoas)? Será que a moldura não deveria apenas compor ao invês de abafar e deixar o quadro em segundo plano?

:)

#23

Amei a analogia!

Vou propor algo em cima disso!

#24

Ei... Vocês acham que alguma dessas linhas estéticas tem a ver com o corais?

http://synapticstimuli.com/intelligence/

Para a interface mesmo... eu voto naquele que parece um coral branco! que daí linka com a parada que o Gon falou de tela do pintor... e tal

#25

Nossa, que legal isso. Gostei de todos rs :O mas mais dos primeiros rs

#26

Gostei também!

#27

Fiz um desenho sobre o conceito de palimpsesto, que é usado nos estudos de literatura para indicar as referências de um texto, a base histórica por onde ele se desenvolveu. Explicando melhor, nos recifes de corais, uma camada de coral quando morre, serve de base para uma próxima camada, tornando o recife mais forte. 

Aqui nos Corais, quando um projeto morre, quando ele é arquivado, ainda assim sua experiência pode ser usada por novos projetos.


Continuar este desenho

#33

Esta ideia de palimpsesto poderia ser aproveitada nas cores da logo/logotipo, com um colorido que demonstre essas camadas em sobreposição.

#28

Reativando esse tópico sobre a logo da Plataforma Corais. O Alexandre Ribeiro não está podendo postar direto na plataforma, mas me mandou esse esboço para uma logo:

lampada_corais1.png

Ao ver, eu sugeri explorar o formato de lâmpada fria, com tubos e ele devolveu essa nova versão:

lampada_corais2.png

#30

Achei bacana a ideia da lâmpada corais. 

Acho que a lâmpada que parece estar quebrada deveria sim estar quebrada com corais saindo dela. Como se as ideias fossem tantas que explodissem para fora da lâmpada (que continua acesa mesmo quebrada) com as ideias "florecendo" em forma de coral. (Mais ou menos como essa ultima imagem) 

#29

Achei que assim ficou parecendo que a lâmpada está quebrada. Será que ficaria legal tipo um "corais" de lâmpadas? Para mim soa como um "corais" de ideias.

#31

ideia mto loka da paty xD

#32

Gostei da ideia de lâmapada quebrada mesmo. Será que a lâmpada é uma boa metáfora pra ideias, criação, inovação, do modo como o Corais propõe? As vezes me parece um símbolo bem 'batido' :O

#34

ideia mto loka do Willian xP

#41

Gostei muito dessa proposta! É bem espontânea. Fiz ela em vetor para que outras pessoas possam continuar o desenho. Eu gosto da letra mais vazada. Veja a possibilidade de colocar o O dentro do C.


Continuar este desenho

#35

Conversando com uns amigos, tivemos uma ideia parecida com a da PatySantos. Fizemos umas mudanças na ideia do Alexandre Ribeiro, pensando na lâmpada como representação de uma ideia, e os corais como sua fonte de luz. Pois, como disse o Fred em 2011,  "Explicando melhor, nos recifes de corais, uma camada de coral quando morre, serve de base para uma próxima camada, tornando o recife mais forte. Aqui nos Corais, quando um projeto morre, quando ele é arquivado, ainda assim sua experiência pode ser usada por novos projetos.", então, por este motivo, a utilização dos corais como a fonte de luz das ideias (lâmpada).

#42

E se o corais fosse uma lâmpada? Algumas espécies são fluorescentes, ou seja, emitem luz.


Continuar este desenho

#37

Pensei numa ideia, onde o coral está se construindo, misturando um pouco de cada formando uma composição "unificada"


Continuar este desenho

#38

um upgrade


Continuar este desenho

#46

Como referência, anexo o cabeçalho do site da Nordes, uma conferência de design na Escandinávia. Uma coisa que acho interessante é que os elementos seguem uma certa regularidade e isso permite a fusão visual.

  • pageheadertitleimage_en_us.jpg

#47

Realmente é uma referência bastante interessante!

#39

Pode acrescentar uns peixes! Seria legal!!!


Continuar este desenho

#40

corais.jpg

Como a plataforma se caracteriza por ser cooperativa - onde se pode opinar e ajudar os trabalhos em geral - acredito que balões de fala e pensamento formando um coral seria uma boa ideia e ficaria como na foto... mais ou menos.

#43

coral1_0.jpgGostei da tipografia e apresentei uma âncora como se estivesse ancorando uma idéia ou seja fixando

#44

Aqui como se fosse neurônios movendocoral2.jpg

#45

Concordo com a metáfora da lâmpada. Entendi o fato dela estar quebrada!!!

Então pensaria assim: as ideias saindo da lâmpada (uma forma de pensamento dentro da caixa) e se expandindo. Pensaria em mais lâmpadas com as ideias, expandidas, se juntando.

Precisa de ajuda?

Blog

O blog permite que os membros de um projeto se comuniquem, discutindo e publicando novidades. É um ótimo lugar para compartilhar processos, desafios e explorar ideias.